Bolsa de Pós-Doutoramento (BPD/UTAD/1/2018)

Bolsa de Pós-Doutoramento
(1 vaga)

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Pós-Doutoramento no âmbito do projeto/instituição de I&D Projeto de I&D PLATAFORMA DE INOVAÇÃO DA VINHA E DO VINHO - INNOVINE&WINE, BPD/UTAD/1/2018, financiado por Financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do NORTE 2020 (Programa Operacional Regional do Norte 2014/2020), nas seguintes condições:

Área Científica:
Economics

Requisitos de admissão:
1 .º - Doutoramento, Mestrado e Licenciatura em Turismo, Economia, Gestão, ou áreas afins desde que o output da investigação esteja estreitamente relacionado com as temáticas do enoturismo e da gastronomia. *
2 .º - Disponibilidade imediata. *
3 .º - Formação académica em Turismo, Economia ou Gestão com investigação desenvolvida nos domínios do enoturismo e da gastronomia *
4 .º - Experiência em investigação nas áreas definidas no plano de trabalhos
5 .º - Experiência na conceção e aplicação de inquéritos e de outros instrumentos de recolha de dados *
6 .º - Domínio de métodos quantitativos aplicados à economia e gestão *
7 .º - Domínio de técnicas e de software específico para a criação e análise de bases de dados *
8 .º - Bom domínio falado e escrito da língua inglesa
9 .º - Disponibilidade para trabalho de campo (inquéritos e entrevistas)
10 .º - Possuir publicações em revistas internacionais com arbitragem científica nas temáticas em apreço
11 .º - Capacidade de trabalho autónomo e também num ambiente colaborativo
12 .º - Capacidade de comunicação e auto-motivação
13 .º - Disponibilidade para fixar residência em Vila Real
* fator eliminatório

Plano de trabalhos:
1 .º - O bolseiro será integrado na atividade “Wine Tourism and Gastronomy””, no âmbito da linha COMPETITIVENESS do projeto de I&D PLATAFORMA DE INOVAÇÃO DA VINHA E DO VINHO - INNOVINE&WINE, onde assumirá funções de corresponsável científico pela gestão da respetiva atividade.
2 .º - Pretende-se produzir conhecimento sobre a gestão e o planeamento sustentável dos destinos enoturísticos numa perspetiva sistémica, o que pressupõe, por um lado, a análise dos mercados consumidores e, por outro lado, o mapeamento da estrutura de alianças estratégicas e redes colaborativas que definem e circunscrevem as atividades enoturísticas nas regiões vinhateiras do Norte de Portugal, o que pressupõe a análise de sub-redes colaborativas.
3 .º - Deverá analisar sub-redes colaborativas horizontais (entre quintas): organizações formais; festivais e eventos; marketing (formal e informal); e operações/investigação; e verticais (multissetorial): operadores turísticos; alojamento; restauração; animação.
4 .º - O desejado diagnóstico aportará conhecimento sobre o quadro geral do desenvolvimento da região Norte como destino enoturístico sustentável e os cursos de ensino superior necessários para apoiar o crescimento deste setor, tal como permitirá desenvolver um modelo metodológico com indicadores que apoiem a gestão turística integrada (numa visão sistémica) dos territórios vinhateiros.
5 .º - Revisão de literatura científica no âmbito da temática da atividade (enoturismo, gastronomia, agriturismo, food tourism, sustentabilidade)
6 .º - Conceção e implementação de recolha de dados com base em metodologias de inquéritos ou similares.
7 .º - Definição e caracterização do sistema enoturístico na região dos vinhos Verdes, do Douro e Trás-os-Montes e quais as relações entre os 3 territórios vinhateiros da Região Norte.
8 .º - Definição e caracterização da matriz gastronómica das regiões vinhateiras em estudo.
9 .º - Desenvolvimento de uma proposta metodológica com indicadores que apoiem a gestão integrada dos territórios vinhateiros e a definição de uma estratégia para comunicar a todos os stakeholders como podem tornar a sua atividade mais sustentável e responsável.
10 .º - Apoio à construção de bases de dados técnicos, socioeconómicos e territoriais.
11 .º - Tratamento e análise estatística da informação.
12 .º - Planeamento e desenvolvimento de trabalhos de investigação da sua iniciativa, desde que enquadrados nos objetivos da atividade do projeto.
13 .º - Elaboração de relatórios de progresso e preparação de resultados para publicação e disseminação.
14 .º - Conceção, redação e formatação de documentos técnicos e publicações científicas do projeto em língua inglesa.
15 .º - Colaboração na apresentação de resultados e partilha de informação entre os principais stakeholders das regiões vinhateiras e no meio académico.
16 .º - Apoio à organização de seminários e outros eventos de divulgação.
17 .º - Apoio nas atividades de gestão e controle financeiro do projeto.
18 .º - Coorientação de jovens investigadores que venham a estar envolvidos no plano de trabalhos.
19 .º - Colaboração na finalização de trabalhos em curso.

Legislação e regulamentação aplicável:
Lei Nº. 40/2004, de 18 de Agosto (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento de Bolsas de Investigação da FCT, I. P., aprovado pelo Regulamento nº 234/2012, publicado na II Série do Diário da República de 25 de junho de 2012, alterado e republicado pelo Regulamento nº 326/2013, publicado na II Série do Diário da República de 27 de julho de 2013 e alterado pelo Regulamento nº 339/2015, publicado na II Série do Diário da República de 17 de junho de 2015 e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro – Despacho RT.36/2011, de 6 de Julho, do Sr. Reitor, publicado em Diário da República pelo Despacho Nº 9157/2011 (II Série), de 19 de Julho.

Local de trabalho:
O trabalho será desenvolvido no(a) UTAD da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, sob a orientação científica do Professor (a) Doutor (a) Veronique Nelly Paul Marie Joukes.

O trabalho terá coorientação científica de Manuel Luis Tibério.

Duração da (s) bolsa (s):
A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em Março de 2018. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo de 14 meses.

Valor do subsídio de manutenção mensal:
O montante da bolsa corresponde a €1495, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (link). A periodicidade de pagamento da bolsa é mensal e através de depósito bancário, cheque ou outra modalidade equivalente.

Métodos de seleção:
Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes: Adequação à atividade científica, avaliada pela experiência do candidato de acordo com o Curriculum Vitae, dando particular atenção às áreas definidas no plano de trabalhos, Mérito é classificado tendo em conta o número de artigos científicos com indexação JCR e SCOPUS e a posição do autor (1,0 para primeiro autor e 0,5 para outras posições) e Motivação para o trabalho, com a respetiva valoração de 45%, 45% e 10%.

Composição do Júri de Seleção:
Presidente - João Fernandes Rebelo
Vogal - Manuel Luis Tibério
Vogal - Veronique Nelly Paul Marie Joukes

Forma de publicitação/notificação dos resultados:
Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada Nota Final afixada no(a) http://www.campus.utad.pt/bolsasinvestigacao/candidaturas (Página Campus Online da UTAD), sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de e-mail.
Caso a decisão a tomar seja desfavorável à concessão da bolsa requerida, os candidatos têm um prazo de 10 dias úteis, após a divulgação referida, para se pronunciarem, querendo, em sede de audiência prévia, nos termos previstos no Código do Procedimento Administrativo.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:
O concurso encontra-se aberto no período de 19-02-2018 a 02-03-2018.
As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio de formulário de candidatura acompanhado dos seguintes documentos: Cópia do(s) certificado(s) de habilitações, Curriculum Vitae do bolseiro detalhado [comprovando os requisitos acima referidos], Indicação dos seguintes dados: nº de cartão de cidadão, nº de identificação fiscal – NIF, data de nascimento, contacto de telemóvel e endereço de correio eletrónico e Carta de motivação.
A candidatura deverá ser efetuada através da Página do Campus Online da UTAD, na secção de Bolsas de Investigação, seguindo as seguintes indicações:

  • Aceder à Página do Campus Online da UTAD: www.campus.utad.pt e selecionar a opção Bolsas de Investigação. Ou aceder diretamente a www.campus.utad.pt/bolsasinvestigacao/lista.
  • Selecionar a bolsa à qual se pretende candidatar.
  • Ao selecionar a opção “Candidatar” será reencaminhado para a página de candidatura na qual deverá preencher e submeter o respetivo formulário.

O/a candidato/a tem direito a igualdade de oportunidades e de tratamento, não podendo ser privilegiado/a, beneficiado/a, prejudicado/a, privado/a de qualquer direito ou isento/a de qualquer dever em razão, nomeadamente, de ascendência, idade, sexo, orientação sexual, estado civil, situação familiar, situação económica, instrução, origem ou condição social, património genético, capacidade de trabalho reduzida, deficiência, doença crónica, nacionalidade, origem étnica ou raça, território de origem, língua, religião, convicções políticas ou ideológicas e filiação sindical.


Esta é uma versão-cópia do edital do concurso, para verificar o texto integral, por favor faça Download do Edital
Candidatar Download Edital