Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia para Mestres (BGCTM/UTAD/5/2018)

Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia para Mestres
(1 vaga)

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia para Mestres no âmbito do projeto/instituição de I&D Programa Integrado de Monitorização Ambiental (PIMA) do Aproveitamento Hidroelétrico do Baixo Sabor (AHBS) – Fase de Exploração (61/16/DST), BGCTM/UTAD/5/2018, financiado por UTAD, nas seguintes condições:

Área Científica:
Environmental science

Requisitos de admissão:
1 .º - Mestrado na área das Ciências Biológicas ou das Ciências Ambientais *
2 .º - Experiência comprovada na coordenação e gestão de projetos financiados no âmbito da conservação e gestão de recursos naturais *
3 .º - Experiência comprovada em divulgação científica, atestada por publicações e participação em projetos neste domínio *
4 .º - Será dada preferência aos candidatos com trabalho realizado na área da Ecologia e/ou Conservação de espécies ameaçadas ou habitats prioritários
* fator eliminatório

Plano de trabalhos:
1 .º - O bolseiro integrará a equipa do Laboratório de Ecologia Aplicada do CITAB/UTAD, participando no âmbito da gestão das tarefas previstas no Programa Integrado de Monitorização Ambiental (PIMA) do Aproveitamento Hidroelétrico do Baixo Sabor (AHBS), com enfoque na logística, no processamento de dados e divulgação científica ao abrigo da monitorização das medidas compensatórias previstas.
2 .º - O ambiente de investigação em que o bolseiro desenvolverá as suas atividades proporcionará os requisitos para a sua participação efetiva em abordagens inovadoras neste domínio.

Legislação e regulamentação aplicável:
Lei Nº. 40/2004, de 18 de Agosto (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento de Bolsas de Investigação da FCT, I. P., aprovado pelo Regulamento nº 234/2012, publicado na II Série do Diário da República de 25 de junho de 2012, alterado e republicado pelo Regulamento nº 326/2013, publicado na II Série do Diário da República de 27 de julho de 2013 e alterado pelo Regulamento nº 339/2015, publicado na II Série do Diário da República de 17 de junho de 2015 e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro – Despacho RT.36/2011, de 6 de Julho, do Sr. Reitor, publicado em Diário da República pelo Despacho Nº 9157/2011 (II Série), de 19 de Julho.

Local de trabalho:
O trabalho será desenvolvido no(a) O trabalho será desenvolvido no Laboratório de Ecologia Aplicada (LEA), integrado no Centro de Investigação e Tecnologias Agroambientais e Biológicas (CITAB) da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), sob a orientação científica da Professora Maria Das Neves Mitelo Morão De Paiva Cardoso da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, sob a orientação científica do Professor (a) Doutor (a) Maria Das Neves Mitelo Morão De Paiva Cardoso.

Duração da (s) bolsa (s):
A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em Novembro de 2018. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo de 8 meses.

Valor do subsídio de manutenção mensal:
O montante da bolsa corresponde a €980, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (link). A periodicidade de pagamento da bolsa é mensal e através de depósito bancário, cheque ou outra modalidade equivalente.

Métodos de seleção:
Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes: Avaliação curricular e Experiência profissional na área do plano de trabalhos (Como forma de desempate, poderão ser realizadas entrevistas aos candidatos que obtenham resultado idêntico na avaliação anterior. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à pretendida), com a respetiva valoração de 50% e 50%.

Composição do Júri de Seleção:
Presidente - Maria Das Neves Mitelo Morão De Paiva Cardoso
Vogal - Mário Gabriel Santiago Dos Santos
Vogal - Rui Manuel Vitor Cortes

Forma de publicitação/notificação dos resultados:
Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada Nota Final afixada no(a) http://www.campus.utad.pt/bolsasinvestigacao/candidaturas (Página Campus Online da UTAD), sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de e-mail.
Caso a decisão a tomar seja desfavorável à concessão da bolsa requerida, os candidatos têm um prazo de 10 dias úteis, após a divulgação referida, para se pronunciarem, querendo, em sede de audiência prévia, nos termos previstos no Código do Procedimento Administrativo.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:
O concurso encontra-se aberto no período de 11-10-2018 a 24-10-2018.
As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio de formulário de candidatura acompanhado dos seguintes documentos: Curriculum Vitae detalhado do candidato [com indicação dos seguintes dados: nº de cartão de cidadão ou outro documento de identificação, nº de identificação fiscal (NIF), data de nascimento, contacto telefónico e endereço de correio eletrónico], Cópia do Cartão de Cidadão ou outro documento de identificação válido (caso não seja cidadão nacional, deve ser apresentada cópia dos documentos de viagem válidos, passaporte e visto), Cópia do(s) certificado(s) de habilitações, Carta de motivação do candidato e Outros documentos que o candidato considere relevantes para a apreciação da sua candidatura (facultativo).
A candidatura deverá ser efetuada através da Página do Campus Online da UTAD, na secção de Bolsas de Investigação, seguindo as seguintes indicações:

  • Aceder à Página do Campus Online da UTAD: www.campus.utad.pt e selecionar a opção Bolsas de Investigação. Ou aceder diretamente a www.campus.utad.pt/bolsasinvestigacao/lista.
  • Selecionar a bolsa à qual se pretende candidatar.
  • Ao selecionar a opção “Candidatar” será reencaminhado para a página de candidatura na qual deverá preencher e submeter o respetivo formulário.

O/a candidato/a tem direito a igualdade de oportunidades e de tratamento, não podendo ser privilegiado/a, beneficiado/a, prejudicado/a, privado/a de qualquer direito ou isento/a de qualquer dever em razão, nomeadamente, de ascendência, idade, sexo, orientação sexual, estado civil, situação familiar, situação económica, instrução, origem ou condição social, património genético, capacidade de trabalho reduzida, deficiência, doença crónica, nacionalidade, origem étnica ou raça, território de origem, língua, religião, convicções políticas ou ideológicas e filiação sindical.


Esta é uma versão-cópia do edital do concurso, para verificar o texto integral, por favor faça Download do Edital

Candidatar Download Edital